Vivemos tempos de extrema e absoluta brutalidade!

Perto do fim da turnê implacável do álbum Atomic Arena, e tendo apenas dois lançamentos sob o cinto da banda, o Barren Cross entrou no International Ballroom em Pico Rivera, CA para gravar este lançamento ao vivo que mudou o jogo. Para muitos, Barren Cross definiu o “heavy metal” e Hotter Than Hell! Live apenas confirmou essa convicção. Os álbuns de estúdio devem ser produzidos, calculados e puros. Os discos live devem permitir a banda respirar e deixar o talento e a experiência do músico brilhar, embora sem filtros. Isso é exatamente o que acontece com Hotter Than Hell! E é por isso que a banda aparece como um trem de carga a todo vapor - mais alto e mais teatral com uma performance vocal de elite e guitarras retalhadas requintadas, criando uma paisagem metálica que faz qualquer fã de metal se sentir compelido a disparar instantaneamente as buzinas ao estilo "Dio Metal". O álbum também deu ao baixista Jim LaVerde a chance de levar seu baixo a um nível de destaque, empunhando seu machado em alguns momentos memoráveis. Também estão incluídas duas canções não encontradas em nenhum outro lançamento do Barren Cross - Opus To The Third Heaven, que é uma jam de banda completa e pode ser sua aventura mais artística e criativa de todos os tempos. A segunda faixa inédita é King Jesus & Blues Jam, que é uma brincadeira blues metal com solos ininterruptos e maquinismo elitista. O que não pode ser negado é a qualidade absoluta de cada música neste álbum ao vivo, pois inclui 14 dos mais importantes hinos metálicos que impactaram a vida dos fãs de metal na década de 1980. Este relançamento de 2020 da Retroactive Records dá a este petardo poderoso o tratamento de luxo que ele merece com um livreto expandido e uma remasterização brilhante que permite que a mágica do lançamento original tenha um impacto no ouvinte mais poderoso do que nunca. Portanto, nunca se esqueça, "ele é a rocha, o grande Eu Sou, a razão pela qual cantamos, ele é o Rei dos reis, o mestre de todas as coisas, o poder e a fonte, a força eterna"

Track-list: Imaginary Music, Dying Day, Killers Of The Unborn, Close To The Edge, Going Nowhere, Dead Lock, Opus To The Third Heaven (não incluso no LP), King Of Kings, In The Eye Of The Fire, Rock For The King, Light The Flame, Terrorist Child, King Jesus & Blues Jam (não incluso no LP) e Give Your Life.

BARREN CROSS - Hotter Than Hell! Live

R$96,00
BARREN CROSS - Hotter Than Hell! Live R$96,00

Perto do fim da turnê implacável do álbum Atomic Arena, e tendo apenas dois lançamentos sob o cinto da banda, o Barren Cross entrou no International Ballroom em Pico Rivera, CA para gravar este lançamento ao vivo que mudou o jogo. Para muitos, Barren Cross definiu o “heavy metal” e Hotter Than Hell! Live apenas confirmou essa convicção. Os álbuns de estúdio devem ser produzidos, calculados e puros. Os discos live devem permitir a banda respirar e deixar o talento e a experiência do músico brilhar, embora sem filtros. Isso é exatamente o que acontece com Hotter Than Hell! E é por isso que a banda aparece como um trem de carga a todo vapor - mais alto e mais teatral com uma performance vocal de elite e guitarras retalhadas requintadas, criando uma paisagem metálica que faz qualquer fã de metal se sentir compelido a disparar instantaneamente as buzinas ao estilo "Dio Metal". O álbum também deu ao baixista Jim LaVerde a chance de levar seu baixo a um nível de destaque, empunhando seu machado em alguns momentos memoráveis. Também estão incluídas duas canções não encontradas em nenhum outro lançamento do Barren Cross - Opus To The Third Heaven, que é uma jam de banda completa e pode ser sua aventura mais artística e criativa de todos os tempos. A segunda faixa inédita é King Jesus & Blues Jam, que é uma brincadeira blues metal com solos ininterruptos e maquinismo elitista. O que não pode ser negado é a qualidade absoluta de cada música neste álbum ao vivo, pois inclui 14 dos mais importantes hinos metálicos que impactaram a vida dos fãs de metal na década de 1980. Este relançamento de 2020 da Retroactive Records dá a este petardo poderoso o tratamento de luxo que ele merece com um livreto expandido e uma remasterização brilhante que permite que a mágica do lançamento original tenha um impacto no ouvinte mais poderoso do que nunca. Portanto, nunca se esqueça, "ele é a rocha, o grande Eu Sou, a razão pela qual cantamos, ele é o Rei dos reis, o mestre de todas as coisas, o poder e a fonte, a força eterna"

Track-list: Imaginary Music, Dying Day, Killers Of The Unborn, Close To The Edge, Going Nowhere, Dead Lock, Opus To The Third Heaven (não incluso no LP), King Of Kings, In The Eye Of The Fire, Rock For The King, Light The Flame, Terrorist Child, King Jesus & Blues Jam (não incluso no LP) e Give Your Life.