Vivemos tempos de extrema e absoluta brutalidade!

O BARREN CROSS de fato é tido como um dos maiores ícones da música pesada da cena cristã em toda história. Sua música, especialmente aqui em Rock for the King de 1986 revela uma boa inclinação ao Power Metal tradicional, elementos progressivos além de misturar momentos ocasionais de blues. É claro, o tradicional Heavy Metal com influências mais pesadas de Glam também transbordam. Na época, foi o álbum mais pesado se comparando a outros que simultâneamente estavam materializando petardos com STRYPER, BLOODGOOD, BRIDE, MESSIAH PROPHET e PHILADELPHIA. O BARREN CROSS iniciou sua história em 1981 quando o baterista Steve Whitaker e o guitarrista Ray Parris se conheceram através de um anúncio de músico em um jornal da região de Los Angeles. Após o recrutamento do vocalista Mike Lee e do baixista Jim LaVerde (em um grupo de jovens da igreja), o nome da banda "cruz árida" foi escolhido após Parris assistir a uma representação da vida de Cristo quando no final do filme ele ainda estava crucificado na cruz. Nas palavras de Parris, “Jesus ressuscitou da cruz; este é o ponto de nossa crença no Cristianismo”. Oficialmente começado no dia 13 de Novembro de 1983, o grupo continuou conquistando uma grande quantidade de seguidores na região de Los Angeles, tocando em clubes locais, igrejas e grupos de jovens. O lançamento inicial do grupo, um EP com seis músicas intitulado Believe de 1985 antecedeu um contrato com Star Song e a gravação de mais três músicas para transformar Rock For The King em um álbum full completo. 

Track-list: 1. Dying Day, 2. He Loves You, 3. It's All Come True, 4. Believe, 5. Going Nowhere, 6. Rock for the King, 7. Give Your Life, 8. Just a Touch e 9. Light the Flame.

BARREN CROSS - Rock for the King (1986/1990)

R$120,00
BARREN CROSS - Rock for the King (1986/1990) R$120,00

O BARREN CROSS de fato é tido como um dos maiores ícones da música pesada da cena cristã em toda história. Sua música, especialmente aqui em Rock for the King de 1986 revela uma boa inclinação ao Power Metal tradicional, elementos progressivos além de misturar momentos ocasionais de blues. É claro, o tradicional Heavy Metal com influências mais pesadas de Glam também transbordam. Na época, foi o álbum mais pesado se comparando a outros que simultâneamente estavam materializando petardos com STRYPER, BLOODGOOD, BRIDE, MESSIAH PROPHET e PHILADELPHIA. O BARREN CROSS iniciou sua história em 1981 quando o baterista Steve Whitaker e o guitarrista Ray Parris se conheceram através de um anúncio de músico em um jornal da região de Los Angeles. Após o recrutamento do vocalista Mike Lee e do baixista Jim LaVerde (em um grupo de jovens da igreja), o nome da banda "cruz árida" foi escolhido após Parris assistir a uma representação da vida de Cristo quando no final do filme ele ainda estava crucificado na cruz. Nas palavras de Parris, “Jesus ressuscitou da cruz; este é o ponto de nossa crença no Cristianismo”. Oficialmente começado no dia 13 de Novembro de 1983, o grupo continuou conquistando uma grande quantidade de seguidores na região de Los Angeles, tocando em clubes locais, igrejas e grupos de jovens. O lançamento inicial do grupo, um EP com seis músicas intitulado Believe de 1985 antecedeu um contrato com Star Song e a gravação de mais três músicas para transformar Rock For The King em um álbum full completo. 

Track-list: 1. Dying Day, 2. He Loves You, 3. It's All Come True, 4. Believe, 5. Going Nowhere, 6. Rock for the King, 7. Give Your Life, 8. Just a Touch e 9. Light the Flame.